Interpretação de Textos, Músicas, Livros e Filmes



 A Viagem do Peregrino da Alvorada

1. No início do filme, Edmundo diz que está em Londres “brigando” com Eustáquio Clarêncio Mísero e acrescenta que ele bem merece o nome que tem.
a) Quem é Eustáquio Clarêncio Mísero?


b) A que parte do nome do garoto Edmundo estava se referindo? Por quê?


c) Por que Edmundo e Lúcia estavam na casa do Eustáquio?


2. A parte da história que se passa no mundo “real” acontece em meio a um fato histórico muito turbulento da história da humanidade. Que fato histórico é esse?


3. De acordo com o filme, Edmundo e Lúcia eram bem tratados na casa em que estavam morando provisoriamente? Justifique com passagens do filme.



4. Levante hipóteses: “Por que Eustáquio era tão rude com Edmundo e Lúcia em sua casa?”


5. O que você achou da atitude de Eustáquio para com Lúcia e Edmundo enquanto esses estavam morando em sua casa? Justifique.


6. Nárnia é uma terra imaginária. Em uma parte do filme o comandante do Peregrino da alvorada diz que a parte do mapa marítimo em que não há nada representa uma parte do mar que ainda não foi mapeada, ou seja, que é desconhecida. Ainda, em relação a esse trecho desconhecido, ele diz ter ouvido que lá existem monstros, como por exemplo, serpentes marinhas. Eles também acreditavam que o mundo poderia acabar naqueles lugares e que o mar terminaria de uma vez, como em uma esquina.
a) Esse temor dos “narnianos” faz sentido no nosso mundo real? Justifique.

b) Ainda em relação ao mundo real, mas em uma época diferente: a das grandes navegações e descobertas (século XVI), o temor dos narnianos tinha algum sentido para a humanidade nessa época? Justifique.


7. Em uma parte do filme, Edmundo dá uma ordem a Drinian (capitão do navio), mas esse não obedece a ele.
a) Por que Driniam não obedeceu prontamente às ordens de Edmundo, que era um dos reis de Nárnia?


b) Você achou correta a atitude de Drinian? Por quê?


8. Em uma cena do filme é abordada a questão da escravidão. Nessa parte podemos ver um caderno em que há a anotação de números contábeis, ficando claro que as pessoas eram tratadas como mercadorias. Nessa parte podemos perceber que pais e mães são separados dos filhos e que um rei, de uma hora para a outra, pode tornar-se um escravo.
a) Embora o enunciado acima se refira a uma obra de ficção, podemos notar uma semelhança entre o que foi descrito e a história do Brasil colonial.
Que semelhança é essa e o que vocês pensam sobre essa parte da história do seu país?



b) Na opinião do grupo, como os fatores “políticos”, “econômicos”, “religiosos” e “culturais” podem influenciar na escravização de um povo? Observem os dois lados: escravocratas e escravos.



9. Relembre o episódio envolvendo os “Tontópodes”:

Eles raptaram a Lúcia para que essa quebrasse o feitiço de que eles eram vítimas. Nesse episódio podemos perceber a importância da leitura.
a) Como podemos perceber a importância da leitura de acordo com esse episódio?


b) O filme retrata uma época distante e um lugar fictício. Discutam em grupo e levantem hipóteses: “Hoje em dia, que prejuízos pode ter uma pessoa analfabeta? Justifiquem.



10. De acordo com o filme, o mal que havia na Ilha Negra tentava corromper todo o bem para roubar a luz do mundo. O mal tentaria as pessoas. Por isso, Coriakin (o mago) diz a eles para não caírem em tentação e acrescenta: “Para derrotar as trevas vocês precisam primeiro derrotar as trevas dentro de vocês.”
a) Discutam em grupo e deem uma explicação sobre o porquê de o bem estar sempre associado à luz (claridade) e o mal à escuridão na maioria das histórias.


b) A fala de Coriakin “Não caiam em tentação” também é encontrada na mais famosa oração cristã. Que oração é essa? Para o grupo, o que é cair em tentação e como podemos evitar cair em tentação?



Ainda, de acordo com Coriakin, o mal, para triunfar, aproveitava-se das trevas que já estavam dentro das próprias pessoas.
c) Quais eram as “trevas” que havia dentro da Lúcia?


d) Como o mal utilizou a fraqueza de Lúcia?


e) Como Lúcia venceu a “tentação”?


f) Qual foi a “tentação” pela qual passaram Edmundo e Caspian?


g) Ainda, em relação à “tentação” enfrentada por Edmundo e Caspian, respondam:
O mal criou ou apenas aflorou o desejo dos dois jovens? Justifiquem.

11. Em uma parte do filme, Eustáquio transforma-se em um dragão.
De acordo com Edmundo aquilo aconteceu porque ele foi tentado pelo tesouro.
De acordo com o grupo, hoje em dia as riquezas ainda “tentam/corrompem” as pessoas? Justifiquem (Se possível com exemplos).


12. Eustáquio sempre desprezava o ratinho Ripchip, mas foi esse um dos que mais o ajudaram quando ele virou dragão.
Uma fala de Ripchip foi muito inspiradora para Eustáquio: “Coisas extraordinárias acontecem a pessoas extraordinárias. Vai ver é um sinal e você tem um destino extraordinário que nem imaginava.”




13. Eustáquio diz que foi um dragão melhor do que um menino.
a) Por que ele chegou a essa conclusão?
.

b) Vocês concordam com Eustáquio quando ele diz que foi melhor como dragão do que como menino? Justifiquem.


14. No final do filme, Caspian, Edmundo e Lúcia renunciam ao desejo de ir para o país de Aslam (que podemos associar ao paraíso) para cumprirem alguns deveres.
a) Quais eram os deveres deles?


b) O que vocês acharam da atitude deles? Justifiquem.


15. Ao partir para o país de Aslam, Ripchip deixa a espada e diz que não precisará mais dela. Com isso, o que podemos pensar sobre o país de Aslam?


16. Como ficou a relação entre Eustáquio, Lúcia e Edmundo no final do filme? Por que isso aconteceu?


http://ver-de-verdade.blogspot.com.br/2012/02/interpretacao-de-filme.html



Príncipe Caspian


1. Quantos anos no mundo narniano se passaram entre a primeira aventura dos irmãos Pevensie até a segunda aventura?
1000
1300
1200
1100
2. Qual o nome do malvado rei que quer dominar Nárnia? ____________________________

3. Qual a origem do telmarinos?
Aventureiros das Terras do Sul
Eles já habitavam Nárnia
Piratas do mundo real que se perderam em uma ilha
Descendentes da Rainha Branca

4. Como Caspian chama os irmãos Pevensie?
Usando a espada de Edmundo
Usando o punhal de Lúcia
Usando a trompa de Suzana
Usando o escudo de Pedro

5. Por que os telmarinos atacaram os narnianos e quiseram dominar o país? ____________________________________________________________________________________

6. Quem evita que Pedro seja usado para reviver a Rainha Branca?
Suzana         Lúcia          Edmundo       Caspian

7. Por que Pedro e Suzana não podem mais voltar à Nárnia?
. Porque eles estão muito grandes e já aprenderam tudo que precisavam
. Porque eles falam para Aslam que estão com medo de voltar
. Porque eles acham que tudo foi um sonho
. Porque eles cansaram de ir à Nárnia

8. No início do filme, uma criança nasce. Quem é essa criança? ___________________________________

9. Logo após chegar em Nárnia, Lúcia quase é atacada por um animal. Que animal é esse?
Lobo        Urso       Leão      Águia

10. Qual a única pessoa que consegue ver Aslam logo no começo?
Suzana     Pedro      Edmundo      Lúcia

11. Como os telmarinos chegaram a Nárnia?
. Com anéis mágicos
. Por uma fenda numa caverna
. Pelo guarda-roupas
. Por um quadro

12. Para onde o tutor de Caspian mandou ele ir na noite em que fugiu do palácio?
____________________________________

13. Qual objeto fez com que os irmãos Pevensie percebessem que estavam nas ruínas de Cair Paravel? ________________________________________

14. Por que a trompa de Suzana não estava no baú junto com seus pertences nas ruínas do palácio? ________________________________________________________________________________

15. Qual a espécie do animal falante que enfaixou a cabeça de Caspian?
____________________________________
16. Quem ataca os soldados que perseguiam Caspian, o anão e o texugo no bosque?
Tumnus     Ripchip     Aslan   Centauro

17. O que os telmarinos estavam construindo?
________________________________________

18. Quantos telmarinos morreram quando os narnianos atacaram o acampamento para pegar as armas? ________________________________________

19. Complete: Aslan diz que se Lúcia fosse mais corajosa ela seria uma ______________________

20. Quem ajuda os narnianos a vencer a batalha final? _______________________________________

21. Como as árvores são despertadas? _______________________________________

22. Como os soldados são derrotados na travessia da ponte? _______________________________________

23. O que Aslan  dá para Ripchip por ter demonstrado amor pelo seu povo? _______________________________________

24. Como as pessoas saíram de Nárnia de volta para o nosso mundo?
________________________________________________________________________________


25. No final, o que Aslam diz aos telmarinos?

. Que, quem quiser, pode ir para uma ilha no mundo real, onde vão ser felizes
. Que todos serão obrigados a sair de Nárnia
. Que os malvados serão punidos
. Que quem foi bom terá uma recompensa


**********************************************************************


61 Questões sobre o livro "O Leão, a Feiticeira e o Guarda-roupa"!

  1. Qual a passagem para o mundo de Nárnia?
Quadro       Piscina      Guarda-roupa     Janela
2.       Quais os nomes das quatro crianças que vão para Nárnia?
Alice, João, Bruna e Gabriel
Marcos, Roberta, Pedro e Yasmin
Lucas, Gabriela, Edmundo e Alice
Pedro, Susana, Edmundo e Lúcia
3.       A Feiticeira prometeu que Edmundo se tornaria Rei e seus irmãos seriam:
4. Qual dos quatro irmãos foi o traidor que ajudou a feiticeira branca?
5. Qual o acordo que Aslan fez com a feiticeira para inocentar o filho de Adão?
Cedeu o comando de Nárnia
Dividiu o comando de Nárnia
Se sacrificou na Mesa de Pedra
Cedeu parte de seu exército
6. Onde os quatro irmãos são coroados reis e rainhas de Nárnia?
7.  Como Aslam transformou as estátuas de pedra em seres vivos?

8. O que Tumnus tinha nas mãos quando encontrou Lúcia pela primeira vez?
9. Quem mata a feiticeira, no livro e no filme?
10.  O que a feiticeira ameaçou fazer com Tumnus caso ele a traísse?
11. Quais foram os presentes que o Papai Noel deu para Lúcia?
(  ) Uma garrafinha de vidro e um pequeno punhal
(  ) Um arco e uma aljava cheia de flechas
(  ) Um escudo e uma espada
(  ) Uma pequena trompa de marfim
12. Senhor Tumnus é:
Um Bode
Um Centauro
Um Elfo
Um Fauno
13. Qual é o nome da Pervensie mais nova?
14. Qual o nome do Professor que abrigou as crianças na época da Segunda Guerra Mundial?
15. Qual o nome do autor de As Crônicas de Nárnia?
16. A história dos irmãos PERVENSIE  se passa em que período da história?
17. Qual inseto estava morto no peitoril da janela onde estava o guarda-roupa?
(  ) mosquito   (  ) mosca   (  ) abelha     (  ) grilo
18. Qual das crianças entrou primeiro no guarda-roupa?
19. O que espetava Lúcia dentro do guarda-roupa da primeira vez que ela entrou?

20. De onde vinha a luz que Lúcia avistou em Nárnia?
21. Onde Lúcia e o Sr. Tumnus se conhecem?
Guarda-roupa     Ermo do Lampião
Cair Paravel      Dique dos Castores
22. Qual era a cor do cachecol que Tumnus tinha enrolado no pescoço?
23. Cite dois tipos de alimento que o fauno ofereceu para Lúcia em sua casa.
24. No filme... Por que Edmundo volta para dentro de casa no momento do bombardeio?
25. Que animal era interminavelmente caçado pelos faunos?
26. No filme... O que a mãe pediu para Pedro lhe prometer?
27. Qual instrumento o fauno tocou para Lúcia?
28. O que Lúcia deixou com o fauno quando voltou para o guarda-roupa?
29. Qual era a brincadeira dos irmãos quando Lúcia entrou no guarda-roupa?
 30. No filme... Como se chama a mãe dos irmão Pervensie?
31. Qual dos irmãos foi o segundo a entrar no guarda-roupa?
32. O que a rainha ofereceu para Edmundo comer?

33. O que a Feiticeira Branca faz com seus prisineiros e inimigos?
Enforca em praça pública, para servir de exemplo aos outros narnianos
Serve de comida para os lobos de sua guarda
Usa o cetro e os transforma em gelo
Transforma em pedra
34.  No filme... Qual imagem tem entalhada na porta do guarda-roupa?
35. Como surgiu a bebida que a feiticeira ofereceu para Edmundo?
36. No filme... O que a feiticeira usa para limpar a boca de Edmundo?
37. Quantos capítulos tem o livro: “O Leão, a Feiticeira e o Guarda-roupa”?
38. Com o encantamento da Feiticeira, em Narnia:
(  ) Sempre era inverno e sempre era Natal
(  ) Sempre era inverno e nunca era Natal
(  ) Sempre era Natal e sempre era inverno
39. Por qual motivo os quatro irmãos entraram no guarda-roupas ao mesmo tempo?
40. Qual pássaro apareceu para os quatro irmãos em frente a caverna do fauno?
41. O que a senhora Castor estava fazendo quando os irmãos chegaram na casa dos castores?
42. Qual era o tipo de peixe que o Castor pescava no buraco feito no gelo?
 
43. Qual bebida o Sr. Castor tomou durante o jantar?
44. Qual era a descendência da Feiticeira Branca?
45. Qual era o ponto de encontro entre Aslam e os irmão Pervensie?
43. Quais imagens Edmundo viu na entrada do castelo da Feiticeira?
44. O que Edmundo desenhou na cara do leão de pedra que estava no palácio de Jadis?
45. Qual imagem de pedra havia exatamente no centro do pátio do palácio?
46. Qual foi o primeiro sinal de que o feitiço estava se quebrando?
47. Qual presente a senhora Castor ganhou?
48. Quais presentes Pedro ganhou?
49. Quais presentes Suzana ganhou?
50. Quais presentes a Lúcia ganhou?
51. De acordo com a Magia Profunda, a quem pertencia o sangue de um traidor?
52. De onde veio o grande barulho que Lúcia e Suzana ouviram logo depois da morte de Aslam?

53. Qual o nome do gigante simpático que usou o lencinho de Lúcia?
54. Durante a luta contra a Feiticeira, o que Edmundo fez?
55. Assim que foram coroados, Pedro foi chamado de: Majestoso           Magnífico         Glorioso       Poderoso
56.  O reinado dos quatro irmãos em Narnia foi feliz e eles só se lembravam do nosso mundo como quem se lembra de um __________________________
57. O que os Reis e Rainhas de Narnia estavam fazendo quando encontraram na floresta no poste de ferro?
58. Os reis e as rainhas de Narnia entraram pelas árvores próximas ao lampião e logo perceberam que não estavam mais entre as árvores. O que eles começaram a sentir?
59. O professor Kirke disse que não valeria a pena os irmãos entrarem novamente no gurda-roupa por quê:
(  ) O guarda-roupa seria trancado
(  ) Eles estavam sonhando
(  ) Não se devia tentar voltar para Narnia pelo mesmo caminho
(  ) O professor mandaria as crianças de volta para casa
60. Qual conselho Aslam deu para Pedro logo depois de sua primeira batalha?
61. Do que era feito o líquido que tinha na garrafinha que Lúcia ganhou do Papai Noel?

 

 Novos braços para o Brasil

            Em 1850, a Lei Eusébio de Queirós proibil o tráfico negreiro. Com o presso dos escravos subimdo, os produtores foran oprigados a encontrar alternativas mais baratas. a solução foi atrair o imigrante europeu. Mas tarde, foi possível comtar com o incentivo do governo pata tornar a imigração mais atraente. O capital que ficou disponível aos produtores após a proibisao do tráfego negreiro auciliou a vinda dos colonos. Com o dinheiro da compra de sem escravo, o fazendeiro podia recrutar 1666 imigramtes. [...]
História do Brasil, fascículo 7. Folha de S. Paulo.
Grife as palavras incorretas e reescreva o texto de forma correta:

Responda as questões:
a) Por que houve um aumento do preço dos escravos?

b) Como foi resolvido o problema de falta de mão-de-obra escrava para a lavoura?

c) De quem os imigrantes recebiam ajuda para vir para o Brasil?
[...]
            Em 1871, o governo criou uma lei permitindo a emissão de apólices (um tipo de empréstimo) de até 600 contos de réis para ajudar a pagar passagem e os gastos com a instalação das famílias imigrantes.
            Até 1932, o estímulo à imigração trouxe cerca de 4,5 milhões de imigrantes ao país, 50% dos quais fixaram-se em São Paulo, a maioria atraída pela lavoura do café. O maior grupo era o de italianos (577 mil entre 1875 e 1900), representando mais de um terço do total, seguidos por portugueses e espanhóis.
História do Brasil, fascículo 7. Folha de S. Paulo.
Para você saber um pouco mais...
 
1. Por que os imigrantes vieram para o Brasil só a partir de 1850?
_______________________________________

2. Qual é a diferença entre IMIGRANTE e MIGRANTE?
_____________________________________________

3. Escreva os numerais por extenso:
a) 1871 _______________________________________________________
b) 4, 5 milhões ____________________________
c) 600 __________________

4. Pinte o grupo de palavras onde só aparecem substantivos:
governo – grupo – portugueses – famílias
criou – imigrantes – espanhóis – país
italiano – São Paulo – trouxe - lavoura
5. Escreva dois adjetivos para cada substantivo:
Imigrante: _________________________________
Lavoura: __________________________________
Café: _____________________________________

 

 

48 Questões sobre o livro "O Sobrinho do Mago"

“O Sobrinho do Mago”
C.S. Lewis

1 - Qual o verdadeiro nome da Rainha Branca?
Blanca
Jadis
Jasmim
Polly
2 - Qual o nome da amiga de Digory?
Polly
July
Patty
Lili
3 - Qual era o nome do mundo que a Feiticeira Branca governava?
Clamb
Charn
Queops
Nárnia
4 - Qual era o nome dos tios de Digory?
Lock e Helena
Gabriel e Leila
      André e Letícia
Andrew e Mary
5 - Qual era a cor do anel que levou Digory e Polly para o Bosque entre dois mundos?
Verde
Amarelo
Roxo
Azul
 

6 - Qual o nome dos primeiros Reis de Nárnia?
Rei Franco e Rainha Clotildes
Rei Justo e Rainha Helena
Rei Clarion e Rainha Janna
Rei Franco e Rainha Helena
7 - Qual o nome do cavalo do cocheiro dado por Aslam em Nárnia?
Pluma
Pégaso
James
Pena
8 - Aslam é um:
(  ) Leão            (  ) Tigre
(  ) Onça             (  )  Cão
9 - Aslam pede para Digory pegar que fruta para ele?
Abacaxi
Amora
Ameixa
Maçã
10 - O que acontece com Digory e Polly quando pulam no lago escolhido, no Bosque entre Dois Mundos?
(  )Suas roupas ficam encharcadas
(  )Seus pés e pernas ficam molhados e nada mais acontece
(  )Vão para um mundo bem estranho
(  )Quase se afogam, pelo fato de ser um lago muito fundo




11 - O tio de Digory é o que?
Psicólogo
Comerciante
Feiticeiro
Médico
12 - Qual o nome do mundo que Digory, Polly, a feiticeira, o cocheiro, o tio de Digory e o cavalo foram?
(Uma palavra, 6 letras)
13 - O que acontece com a mãe de Digory, depois de comer a Maçã da Vida?
Ela levanta da cama e vai ao banheiro
Ela beija Digory
Ela sorri e dorme
Ela beija e abraça Digory
14 - Como os animais surgiram em Nárnia?
As árvores se tornaram animais
O leão fez uma mágica e os animais apareceram num piscar de olhos
Os animais saíram de um portal
Na terra iam se formando morros de diversos tamanhos e de cada morro saiu um animal. 

15 - Qual é o nome do cavalo do cocheiro?
Lester
Melão
Snoop
Morango
16 - Qual o nome da cidade que Digory e Polly moravam?
São Francisco
Londres
Chicago
Filadélfia
17 - Em que país estava o pai de Digory?
Na Alemanha
No Canadá
Na Angola
Na Índia
18 - Qual é o primeiro lugar que Digory e Polly conhecem através do Bosque Entre Dois Mundos?
Nárnia
Arquelândia
Charn
Calormânia

19 - Quem fez a primeira piada?
Uma toupeira      Uma coruja
Um elefante        Uma gralha
20 - Quem é o autor do livro As Crônicas de Nárnia?
John Boyne
Oliver Bowder
J. K. Rowling
C. S. Lewis
21 - Quem é o "Sobrinho do mago"?
Pedro       Edmundo
Digory     Eustáquio
22 - Com o que tio André foi confundido em Narnia?
(  ) Urso     (  ) Árvore
(  ) Digory     (  ) Alface
23 - O que o anel com pedra verde fazia?
24 - Os anéis só funcionavam quando entravam em contato com.... A pele.
25 - Qual animal tio André usou para fazer suas experiências com os anéis?
26 - Como a esposa do cocheiro chegou em Nárnia?
27 - O que a esposa do cocheiro tinha nas mãos quando chegou em Nárnia?
28 – Qual é o sobrenome de Digory?
29 – Quantos puxa-puxa Dygory tinha no bolso?
(  ) 2    (  ) 3    (  ) 4    (  ) 9
30 – Quantos puxa-puxa cada uma das crianças comeu?
(  ) 2   (  ) 3   (  ) 4   (  ) 9
31 – Qual é a cor da maçã que havia no jardim?
(  ) Dourada      (  ) Vermelha
(  ) Prata        (  ) Verde
32 – Quais as pedras preciosas das coroas do rei Franco e da rainha Helena?

33 – Como os animais nomearam o tio André?
34 – Qual era o poder da maçã em Nárnia?
35 – Qual era o poder da maçã no nosso mundo?

36 – O que aconteceu quando Aslam soprou  no rosto do tio André?
37 – Qual é a espécie do animal que Digory e polly encontram com um anel atado a si logo que entram em Nárnia?
(  ) elefante         (  ) cachorro
 (  ) cavalo  (  ) porquinho da índia
38 – Como ficou conhecido em Nárnia o lugar onde a barra do poste foi plantado?
39 – Onde os anéis foram enterrados?
40 – Como a macieira foi derrubada?
(  ) com machadadas
(  ) com uma serra
(  ) com uma tempestade
41 – O que Digory fez com a madeira da macieira?
(  ) Fez um guarda-roupa
(  ) Queimou na lareira
(  ) Construiu um cabriolé
42 – Como se chamava a mãe de Digory?
(  ) Sara      (  ) Letícia
(  ) Mabel       (  ) Jadis

43 – Qual o nome da empregada da família Kirke?
(  ) Sara          (  ) Letícia
(  ) Mabel         (  ) Jadis
44 – Digory e polly se conheceram no início das férias de:
(  ) primavera      (  ) verão
(  ) outono     (  ) inverno
45 – A madrinha do tio André era:
(  ) uma bruxa     (  ) uma fada
(  ) uma médica   (  ) uma cientista
46 – O que havia dentro da caixa que a madrinha do tio André pediu para ele destruir?
47 – Cite 3 tipos de alimentos que os animais jogaram para o tio André quando estava dentro da jaula.
48 – Complete:
“Entre pelos portões de ouro ou não, Apanhe o meu fruto para outro ou não. Aquele que roubar os escalar os meus muros, encontrará desespero, junto ao desejo do seu...

Percy Jackson e o Ladrão de Raios



Sinopse: O arteiro Percy Jackson está encrencado na escola, mas esse nem de longe é seu maior desafio. Estamos no século 21, mas os deuses do Olimpo saem das páginas dos livros de mitologia grega de Percy e entram em sua vida. Ele descobre que seu pai verdadeiro é Poseidon, deus dos mares, o que significa que Percy é um semideus – metade humano, metade deus. Ao mesmo tempo, Zeus, rei de todos os deuses, acusa Percy de roubar seu raio, a primeira e verdadeira arma de destruição em massa.
Agora, Percy tem de se preparar para a maior aventura de sua vida, e os riscos não poderiam ser maiores.

Com nuvens de tempestade sinistras encobrindo o planeta e com sua vida ameaçada, Percy viaja até um enclave especial, um campo de treinamento para mestiços, onde aperfeiçoa seus recém-descobertos poderes para evitar uma guerra devastadora entre os deuses. É lá que ele conhece dois outros semideuses: a guerreira Annabeth, que procura sua mãe, a deusa Atena; e seu amigo de infância e protetor, Grover, um corajoso sátiro cujas habilidades ainda não foram testadas.
Grover e Annabeth unem-se a Percy numa incrível odisseia transcontinental, que os leva para 600 andares acima da cidade de Nova York (o portal para o Monte Olimpo) e para o famoso letreiro de Hollywood, sob o qual arde o fogo do Mundo dos Mortos.
O destino da humanidade depende do resultado dessa jornada, bem como a vida da mãe de Percy, Sally, que ele terá de resgatar das profundezas do inferno.


Interpretação: Filme
“Percy Jackson e o ladrão de raios”

1 - O que é semideus? 

Parte superior do formulário
Metade deus, metade morto
Metade humano, metade deus
Metade macaco, metade humano

2 - Grover é o quê?
Um ciclope
Um meduso
Um sátiro 

3 – Annabeth é filha de que deus(a)?
Athena
Zeus
Apolo
Hades 

4 - Em que lugar eles foram parar para pegar as três Esferas de Perséfone?

5 – Como a Hidra foi derrotada?

      6 - Percy é filho de qual deus? 

7 - Antes de mostrar o museu, apareceu um homem fazendo o quê?

Acrobacia

Bola de sabão

Jogando xadrez 

8 - O que Grover disse quando ele descobriu que o lugar onde eles estavam era a toca da Medusa?
Aqui não está cheirando bem!
A casa caiu!!!!
Foge!Foge!Foge! 

9 - Quem enfeitiçou a Medusa?

10 - Por que a mãe de Percy escolheu Gabe Ugliano para ser seu padrasto?


11 – O que  Chiron fez por  Percy?
________________________________________________________________________________
12 – Qual proposta Hades fez para Percy?

13 - De qual parte do filme você mais gostou?

 
 Responda o quiz e confira suas respostas. Clique no link!
http://rachacuca.com.br/quiz/19045/percy-jackson-e-o-ladrao-de-raios-ii/
Planos Impossíveis

Manu Gavassi

Uma semana sem te ver
Eu já sabia que isso ia acontecer
O tempo passa, eu fico mal
É ilusão achar que tudo está igual
Você, apareceu pra mim
Não posso evitar, me sentir assim

Como é que eu faço pra escapar
Dessa vontade que eu tenho de falar
Toda hora com você
Faço planos impossíveis pra te ver
Mas pra mim são tão reais
O que aconteceu eu nem me lembro mais

Eu poderia escrever mil canções só pra você
Poderia te falar meus motivos pra gostar tanto de você
Me diz quando a gente vai se ver
Pra eu poder te abraçar
E tentar te explicar a falta que você me faz
Eu não aguento mais ficar tão longe de você!

Você me diz que não tá bem
Que não para de pensar em mim também
Agora antes de dormir
Por um segundo, eu consigo até sorrir
Por que essa complicação?
Distância é o fim pra quem tem coração!

Será que eu devo te dizer
Que eu quase choro, quando falam de você?
Mas eu consigo segurar
Pra ter certeza que ninguém vai reparar
Que eu tô cada vez pior
E a saudade em mim é cada vez maior

Eu poderia escrever mil canções só pra você...

E eu nem sei se algum dia eu já me senti assim
Eu nem me lembro de querer alguém
Como eu quero você pra mim
E é por isso que eu vou te dizer?

Eu poderia escrever mil canções só pra você...



Interpretando...
1.            Qual é o tema dessa música? ________________________________________________
2.  Por quem essa música foi escrita? ________________________________________________
3.  Quais sentimentos são expressos nessa música? ________________________________________________
4. Explique com suas palavras a expressão: “Distância é o fim pra quem tem coração”.
_________________________________________________
5. Copie:
 a) 4 palavras monossílabas: 
_______________________________
b) 4 palavras dissílabas:
______________________________
c) 4 palavras trissílabas:
_______________________________
d)  4 palavras polissílabas:
_____________________________

6. Escreva o antônimo das seguintes palavras:

mal -
igual -
apareceu -
falar -
impossíveis -
reais -
lembro -
esqueço - 




O galo que logrou a raposa

Um velho galo matreiro, percebendo a aproximação da raposa, empoleirou-se numa árvore. A raposa, desapontada, murmurou consigo: “...Deixa estar, seu malandro, que já te curo!...” E em voz alta:
-Amigo, venho contar uma grande novidade: acabou-se a guerra entre os animais. Lobo e cordeiro, gavião e pinto, onça e veado, raposa e galinha, todos os bichos andam agora aos beijos, como namorados. Desça desses poleiros e venha receber o meu abraço de paz e amor.
-Muito bem! –exclamou o galo. Não imagina como tal notícia me alegra! Que beleza vai ficar o mundo, limpo de guerras, crueldades e traições! Vou já descer para abraçar a amiga raposa, mas... como lá vem vindo três cachorros, acho bom esperá-los, para que eles também tomem parte da confraternização.
Ao ouvir falar em cachorros, dona raposa não quis saber de histórias, e tratou de pôr-se a fresco, dizendo:
- Infelizmente, amigos Có-ri-có-có, tenho pressa e não posso esperar pelos amigos cães. Fica para outra vez a festa, sim? Até logo.
E rapou-se.
Com esperteza, - esperteza e meia.

1. Na frase: “ E rapou-se”. Entende-se que o personagem:
a) Foi embora devagar.
b) Saiu correndo.
c) Raspou a mesa.
d) Sentou-se.
 2. O tema do texto é:
a) O galo que recebeu a raposa.
b) O galo que logrou a raposa.
c) O galo que casou com a raposa.
d) O galo que bicou a raposa.
 3. Para fugir da raposa, o galo foi empoleirar-se:
a) Em um galho quebrado.
b) Em um tronco.
c) Em uma árvore.
d) Em uma parreira.
4. Por que a raposa resolveu desistir da confraternização com o galo?
a) A raposa ficou com medo do galo.
b) A raposa lembrou que tinha outro compromisso.
c) A raposa tem medo de cachorros
d) A raposa ficou com raiva do galo.
 5. Um velho galo matreiro. A palavra grifada significa:
a) Malvado.
b) Atrevido.
c) Asqueroso.
d) Astuto.
6. A opinião do autor desse texto a respeito da raposa é que ela é:
a) Um animal dorminhoco.
b) Um animal preguiçoso.
c) Um animal lento.
d) Um animal esperto.
 7. Qual é o gênero textual apresentado?
a) Fábula.
b) Receita.
c) Carta.
d) Convite.
 8. Qual a finalidade desse texto?
a) Dar uma idéia.
b) Dar os parabéns.
c) Dar uma lição de moral.
d) Dar uma informação.
 9. De acordo com a imagem, o galo demonstra:
a) Acreditar na proposta da raposa.
b) Não acreditar na proposta da raposa.
c) Que ele já estava lá quando a raposa apareceu.
d) Que ele vai descer para abraçá-la.
10. De que modo a raposa desabafou-se diante da atitude do galo em recebê-la de cima da árvore?
a) Animadamente.
b) Tristemente.
c) Alegremente.
d) Apressadamente.
 11. Qual foi o motivo pelo qual o galo recebeu a raposa, empoleirado?
a) Para ficar mais imponente.
b) Para se sentir seguro.
c) Para cantar mais alto.
d) Para bicar os frutos da árvore.
 12. No trecho “...para que eles também tomem parte na confraternização.” , a palavra grifada se refere a:
a) Cães.
b) Raposa.
c) Galo.
d) Lobo.
13. O que deu origem aos fatos narrados nesse texto?
a) A esperteza da raposa.
b) A esperteza do galo.
c) A esperteza na floresta.
d) A esperteza do galo e da raposa.
14. No texto, o traço de humor está no fato de:
a) A subida do galo na árvore.
b) A chegada dos cães.
c) A raposa desculpar-se fingindo tristeza.
d) A novidade contada pela raposa.
15. No trecho “...Deixe estar, seu malandro, que já te curo!...”, as aspas tem efeito de:
a) Marcar a fala de alguém.
b) Marcar que alguém está desapontado.
c) Marcar que alguém quer falar.
d) Marcar um diálogo.
16. O texto é narrado por quem?
a) Pelo galo.
b) Pela raposa.
c) Pela raposa e o galo.
d) Pelo narrador.


A Bruxa e a Fada



          Há algum tempo atrás, em um reino distante atrás de grandes montanhas, uma bruxa muito má chamada Fredeburga convivia com uma fada muito boa, chamada Alegria.

          A rainha das bruxas estava cansada de Fredeburga e vivia a lhe chamar a atenção com seu trabalho, já que o povoado do reino nunca tinha maldades. Todos eram felizes e ninguém tinha medo das bruxarias de Fredeburga.

          Cansada de tanto levar bronca, Fredeburga decidiu fazer uma maldade muito grande, que destruiria Alegria para sempre.

          Para isso, deveria usar todos os seus poderes. À noite, enquanto girava sua varinha mágica e pensamentos diabólicos lhe passavam pela cabeça, teve uma ideia muito original: transformaria Alegria em uma bruxa e esta a ajudaria a espalhar maldade pelo reino.

          No dia seguinte, quando a fada estava distraída, a transformou em uma bruxa pavorosa, seu cabelo ficou encaracolado e sujo, sua roupa ficou escura e cheia de pó, suas unhas cresceram dez centímetros , seu nariz cresceu vinte centímetros e de sua garganta saía uma risada horrenda.

          Contentíssima, Fredeburga foi até o castelo da bruxa rainha para contar-lhe o que havia feito. Ao entrar, encontrou a rainha com seus ajudantes: magos, cobras, sapos, serpentes e lobos. Ela ficou surpresa por estarem todos ali e ao chegar mais perto, ficou atônita: todos estavam observando Alegria pela Internet e, apesar de sua nova aparência, continuava a praticar a bondade pelo reino.

          Fredeburga ficou desconcertada e desesperada ao ver a fúria da rainha das bruxas e se deu conta de que havia perdido sua luta contra o bem. Ela se jogou ao chão e derramou lágrimas esverdeadas, enquanto escutava uma bruxa muito má lhe dizer:

          - Fredeburga, você fracassou porque ignorou algo muito importante: todos podemos mudar nosso aspecto, a cor da pele, do cabelo, a forma do corpo e a voz, mas se há bondade no interior de nossos corações, ninguém pode tirá-la, portanto iremos quebrar seu feitiço e Alegria voltará a ser como era. Você será condenada a viver neste castelo lúgubre até o fim de seus tempos.

          Dito isso, a bruxa rainha foi até o bosque com seus ajudantes e Fredeburga pôde ver pela internet que Alegria tinha voltado a ser como era e parecia estar ainda mais radiante e bela.
          As bruxas não tentaram invadir novamente o reino de Alegria com suas maldades, pois o amor e a bondade tinham triunfado sobre o mal. Foi assim que aconteceu e assim o será para sempre.
( Poncho Aquino)
Compreendendo o Texto

Leia as respostas e escreva uma possível pergunta para cada uma delas:

  1. __________________________________________________
A Bruxa Fredeburga e a Fada Alegria.

  1. __________________________________________________
__________________________________________________
Porque Fredeburga não estava fazendo seu trabalho direito.

  1. __________________________________________________
__________________________________________________
Transformar a fada em uma bruxa má.

  1. ___________________________________________________
___________________________________________________
Porque Fredeburga se esqueceu de que as pessoas podem mudar seu aspecto físico, mas não seus sentimentos.

  1. ____________________________________________________
____________________________________________________
Deveria viver no castelo até o fim de seus dias.

  1. ____________________________________________________
____________________________________________________
Foi transformada novamente em Fada Alegria e nenhuma outra bruxa ousou invadir seu reino com maldades.



Canção Da América

Milton Nascimento
Amigo é coisa para se guardar
Debaixo de sete chaves
Dentro do coração
Assim falava a canção que na América ouvi
Mas quem cantava chorou
Ao ver o seu amigo partir
Mas quem ficou, no pensamento voou
Com seu canto que o outro lembrou
E quem voou, no pensamento ficou
Com a lembrança que o outro cantou
Amigo é coisa para se guardar
No lado esquerdo do peito
Mesmo que o tempo e a distância digam "não"
Mesmo esquecendo a canção
O que importa é ouvir
A voz que vem do coração
Pois seja o que vier, venha o que vier
Qualquer dia, amigo, eu volto
A te encontrar
Qualquer dia, amigo, a gente vai se encontrar.
*************
1. Trabalhando as palavras do texto:
Lembrança quer dizer:
* Presente  -  * Recordação
Substitua pelo significado correto na frase:
a) Guardo na lembrança a sua imagem.
___________________________________________
b) Trouxe uma lembrança para você.
___________________________________________
2. Reescreva as frases usando os antônimos das palavras em destaque:
a) Ele se lembrou do amigo.
___________________________________________
b) Deixo o disco dentro da gaveta.
___________________________________________
c) Durante o dia eu fico em casa.
__________________________________________
d) Chorei quando ele partiu.
__________________________________________

3. “Canção a América” é uma poesia. Cada linha da poesia chama-se verso. Cada conjunto de versos é uma estrofe.
a) Quantos versos tem a poesia? _________
b) Quantas estrofes tem a poesia? _______
 


4. Procure no texto palavras que rimem com:
Jeito _________________     Criança _______________
Trabalhando as ideias do texto:
1. Qual é a mensagem que os autores querem transmitir com essa canção? _______________________________
______________________________________________
2. Explique com suas palavras a expressão grifada: “Amigo é coisa pra se guardar do lado esquerdo do peito.”
______________________________________________
3. Grife a alternativa que explica cada frase:
“Amigo é coisa pra se guardar debaixo de sete chaves”
a) Amigo é pra se guardar dentro de um cofre.
b) Amigo é pra se guardar e se cuidar com carinho.
c) Amigo é pra se trancar no coração.
“ Mas quem ficou, no pensamento voou
E quem voou, no pensamento ficou”
a) Depois que se separam, os amigos se esquecem.
b) Depois que se separam, os amigos procuram outros amigos.
c) Depois que se separam, os amigos não se esquecem, pois estão sempre no pensamento um do outro.

1. Você sente necessidade de ter amigos?
______________________________________________
2. Como é que agem os verdadeiros amigos?
______________________________________________________________________________________________
3. Você já se separou de algum amigo? Como se sentiu?
______________________________________________________________________________________________
4. É fácil encontrar um verdadeiro amigo? Por quê?
______________________________________________________________________________________________


Os três lobinhos e o porco mau
[...]
No dia seguinte, o porco mau veio andando pela estrada e chegou fazendo um grande barulho. Bateu na porta e disse:
_ Lobinhos, abram a porta senão eu vou soprar e derrubar sua casa! Ele soprou, soprou e a casa não desabou.
_ Vou entrar pela janela que está aberta! Disse o porco mau.
Enquanto o porco mau tentava entrar pela janela, os lobinhos tiveram uma grande ideia: pegaram uma bacia e colocaram o resto de cimento que tinha sobrado da construção da casa. Quando o porco pulou pela janela, caiu dentro da bacia e ficou paralisado. Os lobinhos o fizeram prometer que nunca mais iria comer nenhum animal do bosque. Então o porco disse:
_ Eu prometo que nunca mais vou atormentar nenhum animal deste bosque! Agora me ajudem a tirar todo esse cimento dos meus pés, por favor!
Os lobinhos ajudaram o porco que até hoje cumpre com o que prometeu!
Rayssa  e Tatiele – 10 anos
4º ano A – 2012
1. Esse texto é:
(A) Uma poesia      (B) Uma reportagem      (C) Uma paródia      (D) Um conto de fadas
2. Por que o travessão foi usado nesse texto?
_____________________________________________________________________
3. “Vou entrar pela janela que está aberta!” O antônimo da palavra em destaque é:
(A) Fechada              (B) Quebrada               (C) Com fenda             (D) Encostada
4. “Os lobinhos ajudaram o porco que até hoje cumpre com o que prometeu!” Essa frase está no tempo:
 (A) Pretérito                                         (B) Presente                                              (C) Futuro
5. O antônimo de MAU é ________________________
6. O antônimo de MAL é ________________________


Como assustei o meu bicho-papão

Em uma bela noite, Evillyn estava se preparando para dormir, deitou na cama e apagou a luz. De repente um bicho-papão apareceu, deu um baita susto nela e foi embora. No outro dia ela fez uma armadilha para o bicho-papão, mas... Coitadinho! Ele estava com o dedo quebrado.
Quando ele chegou, escorregou em um carrinho e foi parar na cabeceira da cama de Evillyn, ela jogou um balde de água quente nele. Agora, além de levar um tombo e estar com o dedo quebrado, ainda ficou todo queimado. Logo depois Evillyn escutou um choro e foi chegando perto para ver o que era. Foi chegando perto com um taco de basebol e bateu na cabeça do bicho-papão que ficou desmaiado. Foi quando Evillyn viu o dedinho dele quebrado. Ela levou-o para a sala e fez um curativo no dedo dele.
Quando ele acordou, levou um susto daqueles! Ela acalmou o bicho-papão e pediu desculpas.
Daquele dia em diante eles ficaram muito amigos.
Elauynni – 10 anos
4º ano A – 2012
01.   No trecho:De repente um bicho-papão apareceu, deu um baita susto nela e foi embora”. A palavra em destaque se refere a:
(A)   Cama
(B)   Evillyn
(C)   Armadilha
(D)   Noite
02.   Para pegar o bicho-papão a menina:
(A)   Quebrou o dedo dele
(B)   Acalmou o bicho-papão
(C)   Fez uma armadilha
(D)   Deitou na cama e apagou a luz
03.   O bicho-papão foi parar na cabeceira da cama da Evillyn por que:
            (A)  Ficou todo queimado
            (B)  Ficou todo molhado
            (C) Quebrou o dedo
            (D)  Escorregou
04.   Marque a ordem correta dos acontecimentos:
(A)   Evillyn se preparou para dormir, o bicho-papão apareceu, ela fez um curativo e ficaram muito amigos.
(B)   Evillyn e o bicho-papão ficaram amigos, ela apagou a luz, viu o dedinho dele quebrado.
(C)   Evillyn se preparou para dormir, ela fez um curativo, o bicho-papão apareceu, ficaram amigos.
(D)   Evillyn jogou água no bicho-papão, o bicho-papão apareceu, ela fez um curativo e ficaram muito amigos.

  Interpretação - Reportagem


Rara, imensa e malcheirosa
A notícia de seu desabrochar no dia 21 de março, atraiu multidões para um jardim botânico na ilha de Java, no sudeste asiático. Isso porque a Amorphophallus titanum é a maior flor do mundo. Também é uma das mais raras: floresce apenas de quatro em quatro anos e sobrevive por alguns poucos dias. Mas ela não é peculiar somente por causa da raridade: carnívora que vive de insetos caídos em suas pétalas pegajosas, a titanum exala um odor definido por alguns como “uma mistura de peixe estragado com açúcar queimado”. Ou, de forma mais direta, por outros como “um insuportável fedor de rato podre”.
Revista Superinteressante, 7 julho 1994.

Analisando o texto

1) Qual o assunto da notícia que você leu?
________________________________________________________________

2) Qual o nome da flor?
________________________________________________________________

Jardim botânico é o lugar onde se cultivam plantas ornamentais, úteis ou para estudo.

3) Por que a A. titanum está num jardim botânico?
________________________________________________________________

4) Usando as informações do texto e a referência bibliográfica, escreva o dia, o mês e o ano que a A. titanum floresceu.
Dia: _________ mês: ___________________ Ano: ________________

5) Como você descobriu o ano em que isso aconteceu?
________________________________________________________________

6) Em que anos ela vai florescer novamente? Que informação do texto lhe permite afirmar isso? _____________________________________________
________________________________________________________________

7)Você já viu jornal, canal de televisão ou alguma revista noticiar que uma rosa floresceu no jardim de uma casa? Por quê?
________________________________________________________________________________________________________________________________
a Então, por que a A. titanum foi notícia? Por que ela atraiu multidões para vê-la?_____________________________________________________________________________________________________________________________

8) De acordo com a notícia, de que essa flor vive?
________________________________________________________________________________________________________________________________

9) Como as pessoas definem o cheiro dessa flor?
________________________________________________________________________________________________________________________________

10) Qual a palavra usada no título do texto para dizer que essa flor:

· é incomum, diferente, especial? _______________________________
· é muito grande, enorme? ____________________________________
· exala um cheiro desagradável? _______________________________


11) Agora, escreva sobre o título do texto.

a) Por que foi escrito com letras grandes e escuras?
________________________________________________________________

b) Ele consegue atrair a atenção de quem vai ler a notícia?
________________________________________________________________


12) Que outro título você daria a esse texto para chamar ainda mais a atenção de quem fosse ler? Escreva-o.
________________________________________________________________


Ninho de Cuco - Interpretação


Ninho de Cuco

O cuco é o mais mafioso dos pássaros. Não gosta muito de trabalhar e adora ocupar o ninho dos outros.
Foi assim que, um dia, um pardal muito bondoso, emprestou o seu ninho para o cuco e pediu que, em troca, ele ficasse por algumas horas tomando conta da ninhada toda.
Saiu. Quando voltou, encontrou o cuco numa zorra danada, bagunçando seus ovinhos:
- Quer dizer que eu lhe empresto o ninho e você faz essa bagunça?
Ao que o cuco respondeu:
- Eu estou retribuindo a sua hospitalidade. Nós, cucos, somos assim mesmo: só posso ser como sou.
O pardal, cheio de raiva, deu uma bicada no cuco, que, ofendido, disse:
- Mas o que é isso, amigo?
E o pardal respondeu:
- Essa bicada é tudo o que eu lhe posso dar, no momento. Sinto muito, mas nós, pardais, somos organizados, e você e seu ovinho vão ter que cair fora do meu ninho.
E o cuco, bagunceiro, foi baixar noutro terreiro: mais precisamente no buraco vazio de um relógio, onde, desde então, dá duro para sobreviver trabalhando em turnos de meia hora. Cuco-cuco-cuco!

(FRATE, Diléia. Histórias para acordar. Companhia das Letrinhas)

1. "Mas o que é isso, amigo?"
Na frase acima, a palavra grifada se refere ao
(A) cuco.
(B) pardal.
(C) relógio.
(D) ovinho.

2. Na frase "... encontrou o cuco numa zorra danada", a expressão grifada significa que o cuco estava
(A) fazendo pouco barulho.
(B) dormindo profundamente.
(C) chocando os ovinhos.
(D) desorganizando o ninho.

3. O título do texto é Ninho de Cuco porque
(A) o cuco se aproveita do ninho dos outros pássaros.
(B) o cuco constrói seu próprio ninho.
(C) o pardal dá seu ninho para o cuco.
(D) dentro de um relógio há um ninho de cuco.

4. O pardal brigou com o cuco porque o cuco
(A) não gosta de trabalhar.
(B) abandonou o ninho do pardal e foi para o relógio.
(C) bicou o pardal.
(D) bagunçou o ninho do pardal.


5. O que aconteceu ao cuco depois que foi expulso do ninho do pardal?

(A) Foi parar no terreiro.
(B) Foi para o seu ninho.
(C) Foi morar no relógio.
(D) Foi cantar no terreiro.


6. Na frase "E o cuco, bagunceiro, foi baixar noutro terreiro: mais precisamente no buraco vazio de um relógio...", qual a função dos dois pontos?

(A) Finalizar uma frase.
(B) Introduzir uma explicação.
(C) Interromper a frase.
(D) Destacar uma expressão.
Propaganda

(Nova. Junho de 2003)

1. Na frase Rende tanto que só fome de elefante para dar conta, a expressão grifada significa que o molho de tomate

(A) dá para fazer muitos pratos.
(B) é muito saboroso.
(C) tem um sabor muito forte.
(D) pode ser usado em qualquer receita.

2. Por que a propaganda não usou a expressão "fome de leão no lugar de fome de elefante"?

(A) Porque elefantes comem molho de tomate e os leões não.
(B) Porque o elefante é o "garoto propaganda" da marca.
(C) Porque elefante come mais que leão.
(D) Porque elefante é mais dócil que leão.


3. Observando imagem e texto da propaganda, pode-se afirmar que o molho de tomate pode ser usado

(A) apenas em macarrão.
(B) em poucos pratos.
(C) apenas em carnes.
(D) em diversas receitas.


4. O objetivo dessa propaganda é

(A) incentivar as pessoas a se alimentarem melhor.
(B) aumentar o consumo de massas.
(C) vender molho de tomate.
(D) vender gibis da Turma da Mônica.


5. Na frase "Rende tanto que só fome de elefante para dar conta.", o ponto final é usado para

(A) expressar emoção.
(B) enumerar situações.
(C) finalizar uma idéia.
(D) indicar dúvida.

Retirado prova Saresp 2003

Sem casa - Interpretação de texto

Sem casa

Tem gente que não tem casa,
mora ao léu, debaixo da ponte.
No céu a lua espia
Esse monte de gente na rua,
Como se fosse papel
Gente tem que ter onde morar,
Um canto, um quarto, uma cama
Para no fim do dia guardar o corpo
Cansado, com carinho, com cuidado,
Porque o corpo é a casa dos pensamentos.

(MURRAY, Roseana. Casas. São Paulo: Formato Editorial)

a. O texto trata de gente que

(A) gosta de morar na rua.
(B) mora em um só quarto.
(C) não gosta de palácio.
(D) não tem onde morar.


b. O trecho “um canto, um quarto, uma cama” (linha 07) significa ter

(A) uma casa bonita.
(B) um lugar para morar.
(C) uma casa grande.
(D) um lugar para visitar.


c. De acordo com a seqüência do texto, guardar o corpo é o mesmo que

(A) empacotar o corpo.
(B) descansar o corpo.
(C) esconder o corpo.
(D) acarinhar o corpo.

O Fantástico Mistério de Feiurinha
(Livro)

 A divertida história de Pedro Bandeira gira em torno de um grande mistério que agita todo o mundo do faz de conta: a Princesa Dona Feiurinha do Encantado tinha desaparecido do país das Fadas.

Outros personagens do reino, como Cinderela, Branca de Neve, Rapunzel e Chapeuzinho Vermelho, entre muitas outras, ficam com medo de que isto também aconteça com elas e decidem enviar um emissário ao Escritor para que ele possa decifrar o mistério.

O Escritor, de início cético diante do mensageiro, recebe a inesperada visita daqueles personagens das histórias de fadas que povoaram sua infância. Acaba se convencendo de que o mundo encantado e seus habitantes fazem parte da realidade, mesmo que esta realidade seja a da imaginação. Decide, então, ajudá-los a descobrir o que ocorreu com a Princesa Feiurinha.

Com auxílio de sua velha governanta Jerusa, ele recupera a história de Feiurinha e chega à conclusão de que ela desaparecera porque não tinha sido registrada por nenhum escritor. Portanto, a história não poderia sobreviver na imaginação infantil, nem mesmo na de qualquer leitor, porque sem o auxílio dos livros, dificilmente poderiam conhecê-la. Só alguém como Jerusa que ouviu a avó contá-la há mais de sessenta anos teria condições de se lembrar. O Escritor decide então recuperar a história da princesa desaparecida e registrá-la em livro.



Filme:

Xuxa em o Mistério de Feiurinha




2009

Sinopse:

O que acontece depois do “felizes para sempre”? Este outro lado dos contos de fadas virá ao mundo real quando uma princesa encantada desaparece misteriosamente. Ao perceberem que Feiurinha sumiu, todas as princesas encantadas, como Rapunzel, Bela-Fera, Branca de Neve, Bela Adormecida e Cinderela ficam preocupadas e com medo de que isso também possa acontecer com elas, especialmente porque nenhuma se lembra da história de Feiurinha!



Dados da Aula

O que o aluno poderá aprender com esta aula
  • Reconhecer e identificar as características do texto dramático;
  • encenar trechos da obra;
  • interagir em grupos.  
Duração das atividades
02 aulas de 50 minutos cada.
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
  • Leitura prévia de "O fantástico mistério de Feiurinha" (texto narrativo), de Pedro Bandeira, Editora FTD.
Estratégias e recursos da aula
Professor, o objetivo das atividades é apresentar aos alunos as características do texto dramático. Por isso, faz-se necessária a leitura do texto narrativo "O fantástico mistério de Feiurinha" já que iremos compará-lo ao texto, de mesmo título, escrito para ser encenado.

Aula 1
Atividade 1
Para iniciar a atividade, o professor retomará alguns pontos importantes da obra por meio de uma atividade motivadora. Para isso, ele dividirá a turma em grupos que receberão algumas falas retiradas do livro. O grupo escolherá um dos componentes para dramatizar a fala recebida. Os outros grupos deverão adivinhar de quem é fala e em que contexto da narrativa ela foi falada.
Sugestões de falas:
"É... Os únicos decididos são os caçadores. Eu devia ter casado com o Caçador que matou o Lobo".
(Fala de Chapeuzinho durante a reunião das princesas sobre o desaparecimento de Feiurinha)
"Até que a sua história é passável, Chapéu. Mas linda mesmo é a minha, que tem espelho mágico, maçã envenenada, bruxa malvada, anõezinhos e até caçador generoso".
(Fala de Branca de Neve durante a reunião das princesas sobre o desaparecimento de Feiurinha)
"Não aguento mais de dor de cabeça! Ai, que dor de cabeça!"
(Fala de Rapunzel durante a reunião das princesas sobre o desaparecimento de Feiurinha)
"Mas o pior é o ciúme dele. Vive brigando comigo porque diz que eu ando jogando as tranças pra todo mundo..."
(Fala de Rapunzel durante a reunião das princesas sobre o desaparecimento de Feiurinha)
"Bem...Está em língua estrangeira. É preciso traduzir primeiro. Mas sem dúvida é uma pista valiosa".
(Fala do Autor sobre uma possível pista a respeito do desaparecimento de Feiurinha)
"A história de Feiurinha é dos antigos. Quem me contou, há mais de sessenta anos atrás, foi minha avó, que também ouviu da avó dela. Era a minha história preferida, com perdão das princesinhas..."
(Fala de Jerusa no momento em que ia contar a história de Feiurinha, que ainda não estava nos livros)
É importante o professor ressaltar a necessidade de dramatizar a fala. Os alunos poderá criar a situação do momento da fala utilizando objetos da sala e/ou colegas.

Atividade 2
Para iniciar a atividade, o professor irá apresentar aos alunos um vídeo que mostra cenas da peça "O fantástico mistério de Feiurinha" apresentada pelo Grupo de teatro 360°.
http://www.youtube.com/watch?v=X3fv4u3Mris 
Depois de assistirem ao vídeo, que mostra desde os bastidores à cenas do espetáculo, o professor solicitará que, em grupos, os alunos discutam as seguintes questões:
  • Qual é o trabalho do grupo de teatro antes da peça ser apresentada?
  • Você acha que as personagens ficaram bem caracterizadas?
  • O cenário era adequado à peça?
  • No texto em que nós lemos há um narrador que nos apresenta a situação da história. Como o trecho seguinte, que aparece no vídeo, é encenado pelos atores sem o narrador?
"A velha Jerusa tinha trazido suas banhas para a sala, para ver que alegria toda era aquela".
Feito isso, o professor abrirá a discussão a toda a turma. É importante que o professor destaque a ausência do narrador que é substituída pela própria ação da cena.
Aula 2
Atividade
Para iniciar a atividade, o professor deverá dividir a sala em grupos e entregar a cada aluno uma cópia de um trecho de "O fantástico mistério de Feiurinha" (texto para teatro)
Peça teatral em um ato
Personagens
Escritor; Caio, o Lacaio; Dona Branca Encantado; Dona Cinderela Encantado; Dona Rapunzel Encantado; Dona Bela Adormecida Encantado; Dona Bela-Fera Encantado; Senhorita Chapeuzinho Vermelho; Jerusa; Feiurinha; Príncipe; Ruim; Malvada; Piorainda; Belezinha; Pai da Feiurinha; Mãe da Feiurinha; Bode Encantado (pode ser uma marionete).
1º cenário:
 O salão do castelo da Dona Branca Encantado, que deve sugerir o luxo de histórias de fadas. Cadeiras de espaldar alto, forradas de vermelho e pintadas de dourado, um canapé do mesmo jeito, cortinas de veludo vermelho, um grande espelho com moldura exagerada e a esquadria de uma imponente porta de entrada do salão protegida por batedeiras pretas. O ambiente aristocrático e de luxo pode ser sugerido por uma grande janela, com vitrais coloridos, por onde passa luz, projetando as cores por todo o cenário. Ao lado da cadeira principal, que será ocupada pela Dona Branca Encantado, desce do alto um vistoso puxador de campainha, com o qual ela chamará Caio, o Lacaio.
Antes do início do espetáculo, a platéia já pode ver o primeiro arranjo do cenário: a sala de trabalho do Escritor e, em todo o resto do palco, o salão do castelo de Dona Branca Encantado.
Escritor: "Branca de Neve casou-se com o Príncipe Encantado e os dois viveram felizes para sempre..." Ah, que história a da Branca de Neve! Acho que nunca mais alguém poderá criar uma história tão cheia de idéias emocionantes como esta: anõezinhos, espelho mágico, maçã envenenada... (Pega outro livro.) E esta, então? Cinderela! Que coisa mais linda! (Vai pegando outros livros.) Chapeuzinho Vermelho! A Bela Adormecida! A Bela e a Fera! Rapunzel! A Moura Torta! Que histórias fantásticas! Eu jamais vou me esquecer delas! Até hoje me emociono com as aventuras dessas heroínas... Passei minha infância com estes livros e hoje, que eu sou um escritor, adoraria poder criar uma história tão emocionante como qualquer uma destas... (Abre mais um livro na última página.) "... e os dois viveram felizes para sempre..." (Para a platéia:) Vocês já notaram? Todas essas histórias maravilhosas terminavam dizendo que a heroína se casava com o Príncipe Encantado e pronto. Os dois iam viver felizes para sempre e estava acabado. Mas, afinal de contas, o que significa "viver feliz para sempre"? Significa casar, ter filhos, engordar e reunir a família no domingo pra comer macarronada? Ora, quer dizer que a felicidade não é viver mais nenhuma aventura? Nada mais de anõezinhos, maçãs envenenadas e sapatinhos de cristal? Ah, não pode ser! A vida de casado não pode ser tão chata! Como é que alguém pode viver feliz sem aventuras? Não é possível que heróis e heroínas tão sensacionais tenham passado o resto da vida assistindo o tempo passar feito novela de televisão! É preciso saber o que acontece depois do fim! Sabem? Eu sempre tive essa curiosidade e acabei, mesmo sem querer, descobrindo o que aconteceu no fim de todas essas histórias maravilhosas. E é isso que eu quero contar para vocês. Naquela época, eu era um escritor iniciante, com muitas idéias na cabeça e poucas no papel. Vivia observando as pessoas e a mim mesmo, tentando tudo entender e tudo transformar em histórias que tivessem verdade, que tivessem calor, que tivessem graça. Histórias cheias de paixão, como as aventuras das heroínas da minha infância. Quando aconteceram as histórias de fadas e princesas? Olhe, eu acho que todas aconteceram ao mesmo tempo. Querem ver? (Pega um dos livros e abre na primeira página.) "Era uma vez, há muitos e muitos anos..." Estão vendo? Nem um muito a mais nem um muito a menos. Todas as histórias começavam assim. Isso quer dizer que todas começaram ao mesmo tempo, não é verdade? E, se todas começaram ao mesmo tempo, todas terminaram também mais ou menos ao mesmo tempo! Pois foi justamente há muitos e muitos anos mais vinte e cinco anos, que começou o fantástico mistério de Feiurinha. Comigo no meio... (Vai até à mesa e senta-se. Pega um lápis e começa a apontá-lo com um apontador comum.) Estava eu sozinho em casa, em minha sala de trabalho, extremamente ocupado apontando um lápis, quando... Bem, naturalmente vocês sabem que os escritores, quando estão sem inspiração, sentem inadiável necessidade de apontar lápis, limpar os tipos da máquina, verificar se há papel suficiente na gaveta e ver se a empregada deixou alguma sobra na geladeira, não é? Então, como eu ia dizendo, estava eu extremamente ocupado com minha literatura, quando me entrou pela casa um sujeito esquisitíssimo.
Fonte: BANDEIRA, Pedro. O fantástico mistério de Feiurinha. São Paulo: FTD, 1999.
Depois de fazerem a leitura do trecho, o professor deverá pedir aos alunos que identifiquem as diferenças entre os texto narrativo e aquele escrito para ser encenado. Em seguida, o professor solicitará a cada grupo que escreva uma das diferenças encontradas no quadro de giz. Eles deverão observar as seguintes diferenças:
  • há uma descrição do cenário;
  • durante a fala da personagem aparece trecho entre parênteses que explicam como a personagem deve agir ou o que fazer;
  • o narrador é substiuído pela própria ação da personagem.
Depois disso, o professor então solicitará à turma que escolha uma cena do livro para apresentarem aos colegas.
O livro para ser encenado está disponível para download em: http://www.esnips.com/doc/309d6112-3e47-48ac-a3ae-c85f34d216ac/Pedro-Bandeira---O-fantastico-misterio-de-Feiurinha.pdf 
Se o professor preferir, poderá organizar a apresentação total da peça, que deve ter um tempo bem maior para ensaio e organização, ou apenas apresentar alguns trechos selecionados em uma atividade mais rápida.
Recursos Complementares
http://www.youtube.com/watch?v=DNTbCW2hopo
http://www.youtube.com/watch?v=fzAwHq2mfNw   
Professor, nos links acima, você encontrará trechos do filme "Xuxa e o fantástico mistério de Feiurinha".
Avaliação
Os alunos serão avaliados de acordo com a participação nas aulas. É importante observar a postura dos alunos durantes as dramatizações: postura corporal, entonação de voz. O professor deve observar se os alunos compreenderam as diferenças entre o texto narrativo e o dramático.


Filme:
"Gnomeu e Julieta"
Gnomeu e Julieta

Do mesmo diretor de Shrek, o filme traz uma paródia de Romeu e Julieta, mas como protagonistas temos gnomos de jardim. Gnomeu (Paródia de Romeu) e Julieta vão enfrentar muitos obstáculos para viver um amor proibido. É proibido as cores se misturarem com outras cores.


Gnomeu e Julieta são anões de jardim e vão enfrentar muitos obstáculos para viver um amor proibido. O Sr. Capuleto e a Sra. Montéquio tem uma rixa há anos e ninguém na verdade lembra por que tudo começou. Mas a regra é clara, um gnomo vermelho do jardim do Sr. Capuleto nunca poderá se misturar com os gnomos azuis do jardim da Sra. Montéquio. Quando os humanos saem de casa é que a aventura realmente começa com os gnomos tramando um final bem diferente para essa história. Vale a pena assistir a essa aventura romântica!!!


Gnomeu Montéquio, um dos principais protagonistas, é um anão de jardim azul e o filho do líder gnomo azul. A princípio, ele quer se vingar de seu rival, Tebaldo, que o venceu em uma corrida de cortadores de grama, mas a sua inimizade com o jardim vermelho (com quem os gnomos azuis são inimigos) desaparece quando ele se apaixona por uma gnomo vermelha, Julieta. Ele é de temperamento forte, mas carinhoso e corajoso.

Julieta Capuleto, uma gnomo vermelha e uma dos principais protagonistas, é a filha do líder dos gnomos vermelhos. No começo, ela tenta superar os gnomos azuis, obtendo uma flor em cima de uma estufa, mas depois de cair no amor com o gnomo azul Gnomeu, ela, como Gnomeu, já não é pejorativa com os azuis.



Quando existe o amor... tudo é possível!!!

Vamos brincar???

A diversão continua aqui!
Clique nos links e divirta-se com os personagens do filme Gnomeu e Julieta...


Clique nas peças para que elas se encaixem... atenção!!!
http://www.zipjogos.com.br/games/4249/gnomeu-e-julieta-jogo.html




Use a lupa para encontrar os números escondidos na figura... Você consegue!!!
http://www.jogandoonline.com.br/jogos-de-puzzle/gnomeu-e-julieta-numeros/


Encontre as diferenças entre as duas imagens... Fique de olho!!!
http://www.jogosdemeninasgratis.com.br/jogosdehabilidade/gnomeu-e-julieta-diferencas/


Professores... elaborei algumas atividades relacionadas ao filme e postei no skydrive (Pasta - Português/ Gnomeu e Julieta)! Aproveitem e bom trabalho. Beijos!!!

Filme: 
"Carros 2"




Carros 2 tem duração aproximada de 109 minutos, este novo Carros conta a história dos antigos amigos que se reencontram com ainda mais velocidade. Os carros principais deste filme são o Relâmpago MacQueen e o Mate o aquele velho caaro-guincho.
No decorrer deste filme relâmpago Mc Queen e Mate se mostram verdadeiros amigos, pois neste filme Mc Queen será convocado a concorrer uma nova corrida, mas desta vez em pista internacional para competir o premio Grand Prix Mundial.
Durante o caminho que fazem até a cidade internacional encontram muitos obstáculos como pista esburacada, desvios e muitas surpresas que fazem com que Mate acabe se envolvendo em uma aventura ainda mais hilária, pois o mesmo se torna parte da espionagem internacional.
Ou seja, Mate fica dividido entre duas missões uma de ajudar o seu grande amigo Relâmpago Mc Queen a vencer a corrida e outra em fazer parte da espionagem secreta, e isso faz com que a vida de Mate vire uma verdadeira aventura em cidades como Japão e Europa.
Para complementar ainda mais o filme um novo elenco foi lançado, pois uma imensidão de carros coloridos incluindo vilões, investigadores secretos e competidores internacionais darão a imaginação infantil ainda mais delírio e aventura.




 Desenhos para colorir:







 





Filme:
"Os três porquinhos e um bebê"




Sinopse: Era uma vez, numa terra distante, três porquinhos irmãos que queriam construir suas casas. Aí acontece aquela velha história que todos conhecem. Um dia, uma turma de lobos nada confiáveis decidiu que os leitões virariam alimento. Para isso, enviam seu agente mais mortal. o lobo mau.O lobo mau soprou a casa do primeiro porquinho e, naturalmente, ela veio abaixo. O mesmo aconteceu com a casa do segundo porquinho. Mas com a casa de tijolos a história muda de figura. Não conseguindo destruí-la com seu sopro ele resolveu escalar a chaminé e se dá mal, muito mal.Então o lobo mau mudou de estratégia. Planejou algo mais sinistro e muito ridículo: enganar os porquinhos enviando um bebê lobo para ser adotado. E quando este ficasse grande poderia comer os três irmãos.



Música: A Montanha
Roberto Carlos / Erasmo Carlos

Eu vou seguir uma luz lá no alto eu vou ouvir
Uma voz que me chama eu vou subir
A montanha e ficar bem mais perto de Deus e rezar
Eu vou gritar para o mundo me ouvir e acompanhar
Toda minha escalada e ajudar
A mostrar como é o meu grito de amor e de fé
Eu vou pedir que as estrelas não parem de brilhar
E as crianças não deixem de sorrir
E que os homens jamais se esqueçam de agradecer
Por isso eu digo: obrigado Senhor por mais um dia
Obrigado senhor que eu posso ver
Que seria de mim sem a fé que eu tenho em você
Por mais que eu sofra, obrigado Senhor, mesmo que eu chore
Obrigado Senhor por eu saber
Que tudo isso me mostra o caminho que leva a você
Mais uma vez , obrigado Senhor por outro dia
Obrigado Senhor que o sol nasceu
Obrigado Senhor agradeço, obrigado Senhor
Por isso eu digo: obrigado Senhor pelas estrelas
Obrigado Senhor pelo sorriso
Obrigado Senhor agradeço, obrigado Senhor
Mais uma vez
Obrigado Senhor por um novo dia
Obrigado Senhor pela esperança
Obrigado Senhor agradeço, obrigado Senhor
Por isso eu digo: obrigado Senhor pelo sorriso
Obrigado Senhor pelo perdão
Obrigado Senhor, agradeço, obrigado Senhor.
Interpretando:

1) Qual a finalidade do personagem da música em subir a montanha?

2) Quais são os pedidos do personagem da música em relação:
a) As estrelas:
b) As crianças:
c) Aos homens:

3) Ilustre 3 dos motivos pelo qual há agradecimento do personagem da música.

4) Quais os motivos fazem você ser grato a Deus? Escreva 4 deles.

O caderno

Sou eu que vou seguir você
Do primeiro rabisco até o bê-a-bá
Em todos os desenhos coloridos vou estar
A casa, a montanha, duas nuvens no céu
E um sol a sorrir no papel.

Sou eu que vou ser seu colega
Seus problemas ajudar a resolver
Te acompanhar nas provas bimestrais você vai ver
Serei de você confidente fiel
Se seu pranto molhar meu papel.

Sou eu que vou ser seu amigo
Vou lhe dar abrigo se você quiser
Quando surgirem seus primeiros raios de mulher
A vida se abrirá num feroz carrossel
E você vai rasgar meu papel.

O que está escrito em mim, comigo
Ficará guardado se lhe dá prazer
A vida segue sempre em frente, o que se há de fazer
Só peço a você um favor, se puder
Não me esqueça num canto qualquer.

Toquinho e Mutinho.
1.O texto está escrito em:
(              ) prosa                   (              ) poesia

2. É escrito mais para o público
(              ) masculino                          (              ) feminino

3. O caderno do texto é:
(              ) um diário
(              ) um caderno de aulas

4. Por que o caderno “sofre” nas provas bimestrais com o dono?

5. “Seus primeiros raios de mulher”. Isso se diz quando a menina:
(              ) começa a se pintar
(              ) começa a sentir mudanças no corpo
(              ) passa dos dez anos
(              ) começa a tingir os cabelos com reflexos dourados

6. Por que você acha que o caderno pede para não ser esquecido num canto qualquer? Será
que acontece isso? Você tem seus cadernos dos primeiros anos escolares?

7. Narrador é quem conta uma história. No texto, quem é o narrador?

8. Para você, como o caderno pode ser um confidente fiel?

9. Muitas pessoas tem diário, que é um caderno especial para registrar alguns fatos da vida de cada um. Você tem diário? O que você escreve nele?

Clique para ouvir a música: http://www.kboing.com.br/toquinho/1-50549/


Tudo Passa

Túlio Dek e NX Zero

Composição: Túlio Dek

Na vida tudo passa
não importa o que tu faça
O que te fazia rir
hoje já não tem mais graça
Tudo muda
Tudo troca de lugar
o filme é o mesmo
só o elenco que tem que mudar
Que alterar pra poder se encaixar
se não for pra ser feliz é melhor largar
Então se ligue e busque felicidade
pra existir história tem que existir verdade
Numa estrela cadente o sonho se faz presente
no compasso do batuque de um coração doente
A fera tá ferida mas não tá morta
Deus fecha a janela mas deixa aberta a porta

Então se ligue
Busque felicidade
Pra existir história tem que existir verdade
Então se ligue
Pra existir história tem que existir verdade

Porque o sol não se tampa com a peneira
Pra quem já tá molhado um pingo é besteira
Renovo minha força vendo o sol se pôr
pensamento longe renovo meu amor
Minha voz faz eco, tristeza que eu veto
não importa qual o papo
O papo aqui tem que ser reto
E cada chaga que a gente traz na alma
é a confirmação de que a ferida sara
E se restaura, já foi cicatrizada
eleve as mãos pros céus
Que a tua alma tá blindada
pois ninguém vive conto de fadas
Prefiro meu degrau do que sua escada

Então se ligue...

Que por sinal é pra subir e pra descer
um degrau de cada vez é assim que tem que ser
Tá entendendo o que eu tô falando?
Caiu a ficha ou ainda tá boiando?
Minhas palavras param pelo ar
e o meu show tem que continuar
por isso eu continuo no rap eu destruo
Como dizia Ali dou ferroadas e flutuo

Que nem no ringue tem que ter molejo
na minha criação a força vence o medo
Sem querer controlar o que sinto
Vivo sem deixar sombras no tempo

Então se ligue...

Trabalhando com o texto
1 – Copie as palavras que rimam entre si na primeira estrofe:
2 -  O que quer dizer a expressão: “Deus fecha a janela mas deixa a porta aberta”?
3 – Encontre no dicionário o significado das palavras:
Chaga
Elenco
Molejo
4 – Relacione as palavras de acordo com o SINÔNIMO:
( 1 ) rir                                        (    ) bobagem
( 2 ) machucada                          (    ) alegria
( 3 ) besteira                               (    ) modificar
( 4 ) felicidade                            (    ) ferida
( 5 ) alterar                                 (    ) sorrir

5 -  O que quer dizer a expressão “Caiu a ficha ou ainda ta boiando?”
6 – Que mensagem essa música quer nos transmitir?


                                    
É tão Lindo
                                                                                   Composição: Edgard Poças

Se tem bigodes de foca
Nariz de tamanduá
Parece meio estranho,hein?!
Também, um bico de pato
E um jeito de sabiá .

Mas se é amigo
Não precisa mudar
É tão lindo
                                                       Deixa assim como está
                                                       E eu adoro, adoro
                                                       Difícil é a gente explicar

Que é tão lindo.
Se tem bigodes de foca
Nariz de tamaduá
E orelhas de camelo,né?!
Mas se é amigo de fato
                                                       A gente deixa como ele está.

                        É tão lindo
                        Não precisa mudar
                        É tão lindo
                        É tão bom se gostar
                        E eu adoro, é claro
                        Bom mesmo é a gente encontrar
                        Um bom amigo.

São os sonhos verdadeiros
Quando existe amor
Somos grandes companheiros
Os três mosqueteiros
Como eu vi no filme. É tão lindo

                       Não precisa mudar
                       É tão lindo
                       Deixa assim como está
                       E eu adoro e agora
                       Eu quero poder lhe falar
                       Dessa amizade que nasceu

Você e eu
Nós e você
Vocês e eu
E é tão lindo!
- Tia é tão legal ter um amigo!
- É maravilhoso! Mesmo que tenha bigodes de foca e até nariz de tamanduá
E orelhas de camelo tia,lembra?
- Orelhas de camelo!
- É mesmo, orelhas de camelo, mas é amigo, né?
Então não se deve mudar.
 
Interpretando o texto:

1 – Que mensagem essa música nos transmite?
2 – Você tem amigos, que como todos nós, tem “defeitos”. Você acha que ele precisa mudar? Por quê?
3 – Qual a frase que “Os três Mosqueteiros” usavam?
4 – Você poderia usar essa mesma frase com seus amigos? Por quê?
5 – Copie do texto, 3 palavras:

a)       Monossílabas:
b)       Dissílabas:
c)       Trissílabas:
d)       Polissílabas:

6 – Que tal escrever um bilhetinho para seu melhor amigo ou amiga, dizendo o quanto é especial para você? Capriche!!!













O PRIMEIRO PELO




Elias, aquele pedacinho de gente, com a cara mais atrevida deste mundo, plantou-se diante do pai, que lia o jornal.
- Pai, eu já sou um homem!
Como o pai não desse sinal de ter ouvido, repetiu:
- Pai, eu já sou um homem!
- Você sempre foi, meu filho. Desde que nasceu – respondeu, afinal o pai.
- Isso eu sei. Quero dizer, agora já sou grande.
- Não me parece que você tenha crescido muito de ontem para hoje ... – disse o pai, olhando o garoto de alto a baixo.
- É que eu sou ... eu sou ...
- Já sei. Você quer dizer que se tornou adulto.
- É, é isso mesmo.
- E por que o senhor meu filho acha que se tornou adulto de ontem para hoje?
- O senhor está vendo aqui? – E apontava um pontinho preto no queixo. – Está vendo?
- Não vejo nada. Venha mais perto. Ahnn! Será que estou vendo um pelinho aí?
- É o meu fio de barba, pai. Eu já sou um homem.
- Ora, meu filho! É apenas um fio, e um fio não faz uma barba toda. Aliás, lembra-se de sua avó, minha mãe? A vovó tinha uma verruguinha no queixo e três fios de barba. Veja bem: três fios. Nem por isso ela dizia que era homem!
- Mas eu já sou um adul... Isso que o senhor disse. Por isso, preciso de aumento de mesada, quero chegar tarde em casa e levar a chave da porta.
- É uma pena, é uma pena ... lamentou o pai, balançando a cabeça.
- Pena porque ia dar-lhe um presente agora que você completa doze anos. Mas ... Preciso mudar de presente.
- Mudar, pai?
- Claro, quando você era menino, ia ganhar uma bicicleta dessas que você sempre quis. Mas, sendo um homem, vou dar a você um aparelho de barba.
O garoto apoiou-se num pé, depois no outro, profundamente pensativo. Ah! Ia perder aquela sonhada bicicleta! Resolveu:
- Pai, vamos fazer uma coisa. Eu deixo pra ficar homem mais tarde e o senhor me dá a bicicleta, certo?
- Certo – concordou o pai. – E peça à sua mãe para tirar esse pelinho daí com uma pinça. Não fica bem um menino com barba de homem.

Mário Donato

1. Exploração do texto – Você deverá copiar as perguntas em seu caderno e respondê-las. Capriche.

1) O texto conta uma conversa entre duas pessoas. Quais são elas?

2) Para afirmar que já é um homem, Elias dirige-se ao pai com segurança, com humildade ou com medo? Justifique com citações do texto.

3) Ao responder que o filho era homem desde que nasceu, o pai referia-se ao aspecto físico, psicológico ou social?

4) Por que Elias achava que já era adulto?

5) O fato de ser adulto, segundo Elias, dava-lhe alguns direitos. Quais?

6) Por que Elias resolveu “deixar para ficar homem mais tarde”?

2. Extrapolação do texto

1) Elias achava que já era adulto porque tinha nascido um pelinho de barba. E para você, o que é ser adulto?

2) O que você pensa do procedimento de Elias? Você concorda? Se você fosse Elias, teria agido do mesmo jeito?

3) O que você pensa dos adultos? O que eles fazem que lhe agrada? O que eles fazem que não lhe agrada?

4) Você tem vontade de ser adulto? Por quê?




Dom Quixote faz aniversário!
A história do cavaleiro andante e de seu fiel escudeiro completou 400 anos em 2005


Sabe qual o segundo livro mais publicado e traduzido do mundo? É o que conta a história de amizade entre um cavaleiro e seu fiel escudeiro, que empreendem uma longa andança pela Espanha, no final do século 16. Estamos falando de Dom Quixote, obra escrita pelo espanhol Miguel de Cervantes. Em número de traduções e edições, esse livro perde apenas para a Bíblia. Em 2005, faz 400 anos que ele foi publicado, uma data que foi lembrada em todo o mundo. E não é para menos!

Considerada por muitos a maior obra da literatura universal, Dom Quixote desperta, nas mais diferentes épocas da história da humanidade, paixão nos leitores, que se encantam com a trajetória de seus principais personagens. O Cavaleiro de Triste Figura, Dom Quixote, por exemplo, é ao mesmo tempo, um louco e um sonhador. Ávido leitor de livros de cavalaria – obras populares na Espanha no século 16, com histórias cheias de personagens que lutavam pelo amor, pela paz e pela justiça –, ele acaba enlouquecendo e sai pelo país em busca de aventura, como seus heróis.

Dom Quixote pensa que apenas homens como ele podem trazer paz e justiça à Espanha. Vive no mundo dos sonhos e trata monges como feiticeiros, luta com moinhos de ventos pensando que são gigantes e devota seu amor a uma camponesa que, a seus olhos, é uma nobre donzela...

Dom Quixote é um louco que acredita em seu sonho e vai à luta contra obstáculos imaginários em busca da celebridade e do amor. Também é considerado um ingênuo por tentar transformar a dura realidade em que vive em algo mais nobre. Por tudo isso, o personagem gerou até um adjetivo: quixotesco, dado a quem é impulsivo, sonhador, romântico, nobre, mas um pouco desligado da realidade.

A história de Dom Quixote, no entanto, é ainda a história de uma grande amizade: a do cavaleiro andante com o seu fiel, desastrado e também perspicaz escudeiro Sancho Pança. Uma amizade baseada na lealdade e considerada como uma das mais bem representadas em toda a literatura.

Sentiu vontade de conhecer melhor essa dupla? Então, saiba que escritores brasileiros como Monteiro Lobato e Ferreira Gullar traduziram a obra de Miguel de Cervantes para o português de uma maneira resumida, mas com tal talento que crianças e adolescentes podem lê-la sem dificuldade, se interessando até, quem sabe, pelo “livro grande”, a versão completa. Além disso, há uma tradução de Marina Colasanti de uma adaptação espanhola de Dom Quixote para crianças.

Membro da Academia Brasileira de Letras, Antonio Olintho diz que Dom Quixote é um livro brasileiro, já que na época em que foi publicado, Brasil, Portugal e Espanha estavam sob a união político-administrativa de suas coroas. Seu personagem principal com certeza teria gostado muito de se aventurar por nosso país. Então, por que não conhecê-lo?

Francisco Corral,
Instituto Cervantes do Rio de Janeiro
26/12/2005





Quer se divertir e conhecer um pouco da história de Dom Quixote? Assista ao filme "Donkey Xote"... você vai amar!!!



Se tornar um herói é uma barra quando um burro tem que ser um cavalo, um galo um segurança e um louco um cavaleiro de verdade. Mas tudo é possível e a aventura começa aqui! Cansado da pacata vida que todos parecem levar em La Mancha, Rucio não hesita nem um segundo quando surge a oportunidade de viver uma grande aventura: O Cavaleiro da Meia-Lua desafiou Dom Quixote para um duelo sem precedentes! Agorafalta convencer Rocinante, um cavalo muito folgado que prefere muita sombra e água fresca a sair galopando pelas planices de Castela. Mas esses aventureiros vão enfrentar muitos perigos nessa jornada, principalmente o misterioso cavaleiro Sinister.



Por que temos que tomar banho?
Saiba que a responsável por essa exigência é a sua pele

 Chegou a hora de saber por que você, que faz de tudo para se manter limpinho, é obrigado a tomar todos os dias aquela boa chuveirada. A responsável por essa exigência, não é a sua mãe, é a sua pele! A barreira natural à entrada de microrganismos no corpo.

            Há na pele as células que formam a epiderme (a camada mais externa da pele, essa que tocamos), que é como um tecido mesmo, como o de nossas roupas. Sobre as células da epiderme há uma camada de queratina, uma proteína que não deixa passar água para o lado de dentro. Além disto, ainda temos os poros – os pequeninos orifícios por onde sai o suor – e as glândulas sebáceas, que acompanham os pêlos que recobrem toda a superfície do corpo, exceto a palma da mão e a sola dos pés. Todos os dias nossa pele é renovada, mandando embora algumas células mortas misturadas com queratina e formando um tecido novinho em folha.

            Uma coisa que nem todo mundo sabe é que sobre a nossa pele e mucosas – mucosa é a pele fininha e úmida, como a da boca e a do interior do nariz – existem bactérias chamadas comensais, isto é, bactérias que convivem conosco sem necessariamente causarem doença. Elas têm uma função importante: não permitir que outros microorganismos mais perigosos à saúde se estabeleçam na pele e mucosas. Se as comensais não estiverem presentes em número adequado, o equilíbrio entre a proteção e agressão é rompido e podemos adoecer.

            Se deixarmos que os resíduos naturais da pele se acumulem (suor, sebo, células mortas), as bactérias comensais podem se multiplicar de forma descontrolada e danificar a pele, além de abrir espaço para outras bactérias mais nocivas. Desta forma, abrem-se feridas na nossa pele, permitindo a entrada de microorganismos indesejados em nosso corpo.

            Logo, tomar banho não é só para ficar cheiroso. Mas se você estiver cheirando mal significa que muitas bactérias e restos de pele se acumularam. A saída é procurar o chuveiro mais próximo.

            Quando tomamos banho, removemos os resíduos naturais acumulados e o equilíbrio entre as comensais e a pele é mantido. Mas, cuidado! O banho em excesso pode matar as bactérias comensais, e isso não é nada bom. Lembre-se que as comensais são importantes na defesa contra outros microorganismos, mas elas mesmas podem causar doenças quando em número excessivo. Basta um pouco de sabonete comum e água para limparmos a pele e mantermos as bactérias que nos protegem no número certo. E aí, está precisando de uma chuveirada?!

1 – Encontre abaixo 10 palavras do texto sobre a importância do banho:
A
J
P
J
K
L
Ç
O
E
M
B
H
J
K
M
C
S
R
D
F
T
J
K
E
C
S
R
W
M
T
U
G
H
J
K
É
X
U
A
G
R
B
P
O
L
I
M
P
E
Z
A
C
P
Ç
E
L
W
E
O
J
H
B
O
L
E
E
U
J
Y
J
K
L
O
D
R
U
U
K
V
R
M
A
I
V
E
P
I
D
E
R
M
E
H
S
U
L
J
I
B
I
L
N
U
H
T
U
J
H
I
E
R
Y
U
O
A
A
M
O
N
O
Ç
H
Y
W
B
A
C
T
É
R
I
A
S
L
O
S
R
O
M
M
C
O
T
A
G
J
G
L
Â
N
D
U
L
A
S
U
F
L
P
N
2 – como se chama a camada mais externa da pele?
3 – Qual a função da queratina em nossa pele?
4 – O que são mucosas?

5 – Como se chamam as bactérias que estão sobre nossa pele e mucosa?
 6 – O que você pensa sobre a importância do banho?




 ♥☆       ♥☆       ♥☆  ♥☆ ♥☆       ♥☆       ♥☆     
Deu a louca na Chapeuzinho

A tranqüilidade da vida na floresta é quebrada pelo roubo de receitas.
Os suspeitos: nada menos do que a Chapeuzinho Vermelho, o Lobo-Mau e a Vovozinha.
Com cada um contando uma história diferente. Quem estará falando a verdade? Quem será o Bandido Guloso? A
animação faz uma paródia do conto da Chapeuzinho Vermelho.
Conheça um pouco dos
personagens e tire suas conclusões, quem é o Bandido Guloso? quem roubou as receitas da vovó?


Chapeuzinho Vermelho
ALTURA: 1m40
PROFISSÃO: Entregadora de doces
MARCA REGISTRADA: Capuz vermelho
NOTA: Chapeuzinho vermelho vive pela floresta entregando doces, feitos pela sua avó. Bem popular, alegre e cantante, ela é ríspida quando provocada e não leva desaforo para casa. Sonhadora e aventureira, deseja conhecer o mundo, mas se sente presas pelas suas obrigações.
POR QUE ELA É SUSPEITA? Estava no meio da confusão. Teria chapeuzinho decidido tomar o império de doces de sua avó?

Vovozinha
ALTURA: 1m45
PROFISSÃO: Doceira
MARCA REGISTRADA: É uma velhinha muito boazinha
NOTA: A vovozinha tem fama de melhor doceira da floresta e, como Chapeuzinho Vermelho, vem de uma longa linhagem de especialistas em guloseimas. Ela vive sozinha numa área isolada da floresta e adora praticar crochê, ver novelas e lutas na jaula. LUTAS NA JAULA? Não pode ser!
POR QUE ELA É SUSPEITA: Como a principal fabricante de doces da floresta, seria muito interessante para a vovozinha ter todas a s receitas só para ela… que outros segredos esconde esta velhinha.

Lobo
ALTURA: 1m75
PROFISSÃO: Repórter
MARCA REGISTRADA: Cheio dos disfarces
NOTA: Sujeito falante, irônico, está atrás da Chapeuzinho e pistas sobre o desaparecimento das receitas. Misterioso e sempre acompanhado pelo esquilo Ligeirinho. Tem fama de mau, e é mal-humorado.
POR QUE ELE É SUSPEITO: É um lobo e os lobos sempre são suspeitos. Tomou o lugar da vovozinha e repetidas vezes tomou o lugar da chapeuzinho. Por que tanto interesse por pistas sobre os doces?

Lenhador
ALTURA: 1m90
PROFISSÃO: … de lenhador?
MARCA REGISTRADA: Ele nunca parece saber o que está fazendo ou acontecendo
NOTA: Surgindo violentamente na cena do crime, este homem de poucas palavras precisa se explicar. Tudo que sabe é que ele é grande, burro, carregava um machado e tem um horrível sotaque alemão.
POR QUE ELE É SUSPEITO: Grande, burro e carregando um machado… precisa mais?

Inspetor Nicky Pirueta
ALTURA: 1m65
PROFISSÃO: Inspetor de Polícia
MARCA REGISTRADA: Observador e irônico
NOTA: O Inspetor Nicky Pirueta tem muitos anos de polícia. Sempre acompanhado de seu cachorrinho(que anota tudo que ele fala ou comenta) Nicky é um sapo paciente, elegante e que sabe que aos poucos chegará a conclusão do caso. Ele não é suspeito; ele escolhe os suspeitos.

Bode
ALTURA: 1m40
PROFISSÃO: Leva a vida a cantar
MARCA REGISTRADA: Somente consegue falar cantando
NOTA: No alto da montanha em uma cabana isolada, vive este bode que só consegue cantar tudo o que fala. Sempre preparado e precavido, gosta de cantar, quer dizer cantar historias e conhece bem os caminhos da floresta.
POR QUE ELE É SUSPEITO: O Bode não é acusado pela polícia, mas seu jeito diferente e solitário deixa a Chapeuzinho desconfiada.

Ligeirinho
ALTURA: 60cm
PROFISSÃO: Fotógrafo
MARCA REGISTRADA: Fala muito depressa
NOTA: Absurdamente rápido e ansioso, Ligeirinho é o inseparável colega do lobo. Equipado com seus aparelhos de fotografia, ele fala depressa, a única coisa que ele não faz é dormir depressa (será que ele sonha depressa?).
POR QUE ELE É SUSPEITO: Comparsa do lobo, e comparsas de lobos são sempre suspeitos.

E agora? Quem será o Bandido Guloso? Só assistindo o filme mesmo pra saber se existe mais alguém por trás desta história...

1 - Qual crime é investigado no filme?

2- Cite e identifique os principais personagens do filme.

3- Quais as pistas e provas utilizadas pelo inspetor Nick Pirueta para desvendar o crime?

4- Qual a relação do inspetor Nick Pirueta com o trabalho feito pelos historiadores?

5 – Quais elementos aparecem no filme que não estão na história escrita?

6- Desenhe ou descreva a cena do filme que mais gostou.
 ♥☆       ♥☆       ♥☆  ♥☆ ♥☆       ♥☆       ♥☆  

A Bela e a Fera


Sinopse: A Bela e a Fera
“Em uma pequena aldeia da França vive Belle, uma jovem inteligente que é considerada estranha pelo moradores da localidade, e seu pai, Maurice, um inventor que é visto como um louco. Ela é cortejada por Gaston, que quer casar com ela. Mas apesar de todas as jovens do lugarejo o acharem um homem bonito, Belle não o suporta, pois vê nele uma pessoa primitiva e convencida. Quando o pai de Belle vai para uma feira demonstrar sua nova invenção, ele acaba se perdendo na floresta e é atacado por lobos. Desesperado, Maurice procura abrigo em um castelo, mas acaba se tornando prisioneiro da Fera, o senhor do castelo, que na verdade é um príncipe que foi amaldiçoado por uma feiticeira quando negou abrigo a ela. Quando Belle sente que algo aconteceu ao seu pai vai à sua procura. Ela chega ao castelo e lá faz um acordo com a Fera: se seu pai fosse libertado ela ficaria no castelo para sempre. A Fera concorda e todos os "moradores" do castelo, que lá vivem e também foram transformados em objetos falantes, sentem que esta pode ser a chance do feitiço ser quebrado. Mas isto só acontecerá se a Fera amar alguém e esta pessoa retribuir o seu amor, sendo que isto tem de ser rápido, pois quando a última pétala de uma rosa encantada cair o feitiço não poderá ser mais desfeito.”

a – Qual o nome do pai de Belle?  
b - O que acontece com o pai de Belle, quando ele vai a uma feira mostrar sua nova invenção?  
c – O que transformou o príncipe em fera?  
d – Em que e como Belle poderá ajudar a fera e todos os moradores da casa que foram transformados em objetos falantes?  
e - O que acontece se a última pétala da rosa encantada cair?  
f – Agora, você é o autor de uma sinopse. Crie uma sinopse do seu filme preferido.  

Vamos colorir? Capriche!!!


Música:
                                     

A Bela e a Fera - Sentimentos São

Sentimentos são
Fáceis de mudar
Mesmo entre quem
não ve que alguém
pode ser seu par

Basta um olhar
Que o outro não espera
Para assustar
E até perturbar

Mesmo Bela e a Fera

Sentimento assim
Sempre é uma surpresa
Quando ele vem
Nada o detêm
É uma chama acesa

Sentimentos vem
Para nos trazer
Novas sensações
Doces emoções
E um novo prazer

E numa estação
Como a primavera
Sentimentos são
Como uma canção
Para a Bela e a Fera

Sentimentos são
Como uma canção
Para a Bela e a Fera
Clique para baixar a música:
 http://www.4shared.com/audio/QRPorlWX/A_Bela_e_a_Fera_-_Sentimentos_.htm
 
♥☆       ♥☆       ♥☆  ♥☆ ♥☆       ♥☆       ♥☆  ♥☆ 

HOOK - A volta do Capitão Gancho


Após assistir ao filme, responda as questões:
1 – No filme, Peter Pan cresceu e se tornou adulto. Tem dois filhos: Meg e Jack, e é executivo de uma grande empresa. Considerando o relacionamento dele com os filhos, no início do filme, responda:

a) Há algum vestígio do menino Peter Pan no Peter adulto? Justifique.

b) Como os filhos se relacionam com Peter?

c) O que Moira, a mulher de Peter, quer dizer quando afirma: “Peter, você se tornou um pirata”?

d) A Wendy vovó é a mesma Wendy do livro Peter Pan, de James Barrie?

e) No filme, qual é a importância de vovó Wendy na vida de Peter?
2 – O filme narra o encontro do Capitão Gancho com Peter Pan adulto. A fim de atrair Peter para a Terra do Nunca e se vingar dele, Hook rapta seus filhos.

a) Segundo vovó Wendy e o velho menino perdido que mora com ela, o que Peter tem de fazer para resgatar os filhos?
b) Apesar da resistência de Peter, que personagem do mundo encantado, o conduz à Terra do Nunca?
3 – No primeiro embate com Hook, Peter não consegue resgatar os filhos. Sininho intervém e negocia com Hook um prazo de três dias para outro embate entre os dois. Mesmo com o apoio de Sininho e dos meninos, não é fácil reaprender a ser ele mesmo.

a) Quando Peter começa a aprender alguma coisa?
b) Por que ele não consegue voar?
4 – Hook diz que não há mais aventura na Terra do Nunca e que deseja morrer. Barrica, seu fiel companheiro, traça um plano: fazer com que os filhos de Peter gostem do capitão. Nesse “aprendizado”, Meg resiste, enquanto Jack se deixa levar pelos argumenos do capitão.

a) O que há em comum entre Meg e vovó Wendy?
b) Por que Jack está mais vulnerável aos “ensinamentos” de Gancho?
c) Com que intenção Hook leva o menino ao museu dos relógios quebrados?
5 – Peter Pan adulto está pronto para resgatar os filhos e chega ao navio de Gancho no momento em que Jack está para colocar seu primeiro brinco de pirata.

a) Quando Peter diz ao filho “Vamos para casa!”, o menino lhe responde: “Já estou em casa”. O que essa resposta significa?
b) O que faz o menino mudar de idéia?
c) Na sua opinião, por que Peter abandona a luta?
d) O que o faz voltar e enfrentar Gancho novamente?

Vamos jogar? http://www.jogosonlinegratis.org/jogoonline/peter-pan-contra-o-capitao-gancho/

 ♥☆       ♥☆       ♥☆  ♥☆ ♥☆       ♥☆       ♥☆  ♥☆ 

36 comentários:

  1. Trabalho com alunos maiores. Em pequisa encontrei esse endereço. fiquei literlmente encantada. Parabéns!
    Marlene Amorim

    ResponderExcluir
  2. que maravilha amei tudo parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obg pelo carinho... Grande abraço!!!

      Excluir
    2. amei suas postagens de interpretações ... não são repetitivas como nos outros sites que só encontramos a mesma coisa.Parabéns e obrigada.

      Excluir
  3. Respostas
    1. Olá Tânia...Não coloco as respostas para ficar mais fácil para imprimir! Vou tentar colocar as respostas nas próximas postagens. As respostas estão todas nos próprios textos... Bjs!!!

      Excluir
  4. parabéns pelo brilhante trabalho!!!!

    ResponderExcluir
  5. Excelente! Estava procurando atividades para estudar com minha filha. Amei! Parabéns!

    ResponderExcluir
  6. Queria as respostas das atividades. Kathia Bazoni vai colocar as resposas quando?

    ResponderExcluir
  7. Amei... Ótimas atividades... Vou utilizar nas minhas aulas... Parabéns pela iniciativa.

    ResponderExcluir
  8. Amei o seu blog professora è muito toppppppppppppppppppppppppppppppp

    ResponderExcluir
  9. Ameiii Sua Criatividade Parabéns, Irei usar com muiito carinho, bjs! :D

    ResponderExcluir
  10. Adorei o blog, muito bacana!

    ResponderExcluir
  11. Adorei, vc não imagina o quanto me ajudou. Parabéns

    ResponderExcluir
  12. Legais as atividades
    Caso alguém queira outras fontes, só visitar esse blog http://pauloalvesdearaujo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. http://pauloalvesdearaujo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Estou encantada com o seu trabalho. Vou usar até com alunos do 6º ao 9º ano.

    ResponderExcluir
  15. Parabéns pelo seu blog!!! Vim retribuir a sua visitinha através da Agenda dos Blog. já sou seguidora.
    Blog Ensinar é Aprender

    ResponderExcluir
  16. Estava procurando textos para fazer um reforço com meu filho, adorei. Muito obrigada!

    ResponderExcluir
  17. Amei as atividades, pois gosto de trabalhar com todo o tipo de interpretação.

    ResponderExcluir
  18. ESSE BLOG É TUDO DE BOM! ADOREI...

    ResponderExcluir
  19. Parabéns! O blog é muito criativo e nos ajuda nos planos de aula.

    ResponderExcluir
  20. PARABÉNS, O SEU BLOG É UM SUCESSO I.

    ResponderExcluir
  21. EXCELENTE TRABALHO, PARABÉNS PELAS IDEIAS POR SUA CRIATIVIDADE.

    ResponderExcluir
  22. Adorei sua criatividade continue,precisamos ter na educação prof. criativos e dispostos!bj

    ResponderExcluir
  23. Adoreiiiiiiiiiiiiii muitas criatividades bjossss

    ResponderExcluir